Início > Cinema > Scott Pilgrim

Scott Pilgrim

Apesar de ter sido bastante comentado e debatido na internet, “Scott Pilgrim Contra o Mundo” fracassou nas bilheterias americanas a tal ponto que por pouco não chegou ao Brasil direto em DVD (e mesmo agora, que escapou deste mal, estreia em pouquíssimas salas). É um caso raro, e também muito triste, de fenômeno online que não se concretiza nos cinemas. De qualquer forma, o filme é super bem feito e visa um público muito específico – os adeptos da vasta cultura nerd – que não deve tardar a conhecê-lo.

Trata-se de um cult instantâneo, extremamente original e inventivo, saturado de elementos oriundos das mais diversas fontes: um pouco foi sugado da HQ honônima que serviu de inspiração, outro tanto foi extraído dos videoclipes, mais ainda veio dos videogames e uma pitada partiu da linguagem televisiva. É um caldeirão tão recheado e colorido quanto o clipe de “Telephone”, da Lady Gaga, com uma diferença crucial: o diretor Edgar Wright conseguiu condensar com sucesso o que seriam artifícios dispersos e conflitantes, criando uma identidade unificada para o longa e estabelecendo uma lógica interna coerente para uma história que flerta com o absurdo.

Na trama, Scott Pilgrim (Michael Cera, que, com seu jeitão de sempre, permanece o epítome do cool) é um canadense de 22 anos e baixista de uma banda de rock alternativo que está a um passo de estourar. Mas, a chegada de uma nova-iorquina misteriosa e idiossincrática chamada Ramona (Mary Elizabeth Winstead) fará estremecer o seu mundinho: tudo porque, para viver feliz ao lado dela, ele terá de derrotar os sete ex-namorados malignos da garota. Cada qual possui uma habilidade diferente, e todos estão juntos numa liga que pretende exterminar qualquer pretendente ao coração da moça. Os personagens reagem com naturalidade ao que se julgaria exagerado e impossível, e o público não custa a entrar no mesmo compasso e a tomar a fita por sua proposta irreverente. “Scott Pilgrim Contra o Mundo” é, enfim, uma conquista criativa notável, que se você for tão esperto quanto eu acho que é, não vai demorar a conferir.

.:. Scott Pilgrim Contra o Mundo (Scott Pilgrim vs the World, 2010, dirigido por Edgar Wright). Cotação: A+

Categorias:Cinema
  1. 8 novembro 2010 às 1:02 am

    Só esqueceu de mencionar os animes, Louis. Tanto a obra original quanto o filme tem um visual que remete muito as produções literárias japonesas. Abraço🙂

  2. 8 novembro 2010 às 1:04 am

    Corrigindo: mangás o/

    • 8 novembro 2010 às 1:30 am

      Jeniss, até pensei em mencionar mas imaginei que já estava incluso quando mencionei a HQ😉

  3. Tiago
    8 novembro 2010 às 2:18 am

    cara eu achei um maximooo, insano e sei lá KKKKKKK me diverti mto vendo!!

  4. Bob
    8 novembro 2010 às 12:46 pm

    Sensacional né Louis? Agora, me diga: qual o filme jovem do ano, Kick Ass ou Scott Pilgrim? abs

  5. 8 novembro 2010 às 10:05 pm

    Só leio elogios a esta obra. Preciso conferir! Beijo e feliz aniversário!🙂

    • 9 novembro 2010 às 1:30 am

      Tiago, achei exatamente a mesma coisa!

      Bob, me apertou sem me abraçar!🙂 Mas certamente ambos estão no meu top 5 do ano.

      Ka, acho que você vai aprovar.. E OBRIGADO !!!!🙂 Minha linda.

  6. Larissa
    6 abril 2011 às 5:40 am

    Realmente, é um filme ótimo, com o roteiro originalissimo e interpretação do elenco nota 10!! sem contar que o Michael Cera é um ator em ascensão, e em cada filme se supera!

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: