Início > Cinema > O favorito da crítica

O favorito da crítica

O cinema independente americano já tem o seu queridinho nessa temporada, e não é uma fita solar, colorida e divertida como “Juno” e “Pequena Miss Sunshine”. Trata-se de “Winter’s Bone”, um drama intimista e humano dosado para que nunca atinja o exagero e perfeitamente calcado num terreno sóbrio e verossímil. Foi vencedor do Grande Prêmio do Júri em Sundance e também teve boa aceitação do público, em parte porque é daqueles filmes que, por se focar nas privações e sofrimentos da protagonista, faz com que a plateia deseje nunca mais reclamar da vida.

Dirigido por uma mulher, Debra Granik, e baseado num livro homônimo publicado em 2006, “Winter’s Bone” é sobre uma garota pobre de uma comunidade rural do Missouri que, sozinha, cria os dois irmãos caçulas – a mãe sofreu um derrame e ficou incapacitada e o pai, traficante de metanfetamina de quinta categoria, penhorou o casebre da família para pagar a fiança de uma de suas detenções. Acontece que, se ele não retornar até uma data específica, o banco vai tomar a residência, e a heroína não pode deixar que isso aconteça. Sem recursos e nada além da motivação, a jovem parte pelas montanhas Ozark em busca do pai, cruzando com personagens tão gélidos e não-convidativos quanto a temperatura ambiente (vários parentes estão espalhados por lá, todos em péssimas condições de vida e alguns oferecendo maior perigo do que aparentam).

No papel principal está Jennifer Lawrence, de vinte anos, linda, boa atriz e possivelmente uma futura concorrente ao Oscar. O restante do elenco também convence na autenticidade, todos passíveis por cidadãos rústicos, brutalizados e pouco instruídos. Ao invés de contemplar a miséria, a diretora se infiltra naquele meio e encara os personagens sem nunca diminuí-los. Filmado em locações, com fotografia soturna, este é um exemplo de trabalho bem finalizado, capaz de inserir os espectadores num cenário desconhecido e ameaçador que, por alguma razão, soa incrivelmente realista e familiar. Vale conhecer.

.:. Winter’s Bone (2010, dirigido por Debra Granik). Cotação: A-

Anúncios
Categorias:Cinema
  1. 20 outubro 2010 às 6:19 pm

    Tinha vontade de ver só pela Jennifer Lawrence, mas seu texto aumentou muito minhas expectativas.

  2. Tiago Stabile
    20 outubro 2010 às 6:58 pm

    AHH eu baixei nesse fds de semana o filme mas não tive tempo de ver, na vdd vi só o comecinho por curiosidade e do pouco que vi gostei, principalmente da mocinhaa sofredora kkkkk :DD

    • 20 outubro 2010 às 7:18 pm

      L. Vinícius, a menina também era meu principal interesse mas o filme é envolvente como um todo!

      Tiago, assim que conferir o filme completo, volte aqui pra comentar o que achou 😉

  3. 20 outubro 2010 às 9:18 pm

    Eu também estava somente curioso pra assistir o filme somente pela atuação de Jennifer Lawrence,mas depois do texto fiquei ainda mais curioso.
    Abraços

  4. 21 outubro 2010 às 12:00 am

    O Oscar buzz da Jennifer Lawrence, por este filme, é constante. E isso já é suficiente para me fazer querer assistir ao longa. Beijo!

    • 22 outubro 2010 às 2:18 am

      Leandro, creio que irá descobrir, assim como eu, que o filme tem qualidades muito mais extensivas! Abraço.

      Ka, com certeza. Ela tem grandes chances de chegar lá. Beijo!

  1. 31 outubro 2011 às 4:54 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: