Início > Premiações, TV > Emmy: Submissão de episódios

Emmy: Submissão de episódios

Não menciono o Emmy 2010 aqui no blog desde que saíram as indicações, mas de lá pra cá muita água rolou debaixo da ponte. Revelaram, por exemplo, os episódios que as séries e os atores submeteram para a avaliação dos votantes. Faz parte do criticado sistema de votação, que julga superficialmente, com base em alguns episódios isolados, a essência de uma temporada inteira. Se o processo é justo ou não é algo que não vem ao caso. Apenas facilita as nossas estimativas: afinal, quem tem mais chances de vitória? Mesmo num prêmio imprevisível como o Emmy, não custa nada arriscar alguns palpites…

Jane Lynch: Strike a pose!

Por enquanto, parece haver consenso em pouquíssimas categorias. Atriz Coadjuvante em Comédia e Drama são duas delas. Na primeira, tudo indica que Jane Lynch, a Sue de “Glee”, será premiada pelo episódio da Madonna, que traz seu primeiro número musical na série e muito tempo em cena para a personagem destilar seu veneno (Julie Bowen, de “Modern Family”, é uma alternativa viável). Na segunda, Christina Hendricks tem tudo para vencer por “Mad Men” – no episódio submetido, “Guy Walks into an Advertising Agency”, ela brilha, expondo tanto o lado frágil quanto o lado auto-confiante de sua personagem, além de dividir um bom momento com o protagonista Jon Hamm.

Os Atores Coadjuvantes são mais complicados de adivinhar. Em Comédia, o time de “Modern Family” pode dividir as atenções – Eric Stonestreet é o favorito (episódio: “Fizbo”), mas Ty Burrell (“Game Changer”) também tem seus adeptos. Sem mencionar Neil Patrick Harris, que enviou o centésimo episódio de “How I Met Your Mother”, onde canta e dança. Ou ainda o vencedor do ano passado Jon Cryer, embora eu acredite que sua vitória anterior tenha sido coisa de uma vez só. Em Drama, tudo pode acontecer, e os dois atores de “Lost” – Terry O’Quinn com “The Substitute” e Michael Emerson com “Dr. Linus” – se favorecem pelo fator despedida (a série não está mais no ar), além das boas submissões.

Show dos atores de Mad Men

Note que quase todo o elenco de “Mad Men” enviou “The Gypsy and the Hobo”, o melhor episódio da terceira temporada. Foi a escolha de John Slatery, Jon Hamm e January Jones – sendo que o primeiro é claramente obscurecido pelos dois últimos. Afinal, a longa cena em que Don Draper e a esposa botam tudo em pratos limpos foi a mais bem atuada do ano passado. Hamm é, a meu ver, o grande merecedor do Emmy de Melhor Ator, e tem chances reais de vitória. Já January, embora tenha o melhor material (a submissão de Glenn Close, eleita Melhor Atriz em Drama por dois anos consecutivos, foi péssima), deve perder a estatueta para Julianna Margulies, de “The Good Wife” (ela submeteu o episódio “Threesome”, onde está muito bem).

Será bem injusto se Alec Baldwin levar outro Emmy de Ator em Comédia, e pela temporada mais irregular de “30 Rock”. Ainda mais concorrendo contra Jim Parsons, sensacional em “The Big Bang Theory”, e especialmente hilário no episódio enviado, “The Pants Alternative”. Fiquem de olho em Tony Shalhoub, antigo queridinho do Emmy, que se despediu este ano do personagem Monk, e submeteu justamente o final da série. Dentre as atrizes cômicas Toni Collette tem a melhor performance em “United States of Tara” – há um clímax no episódio “Torando”, quando várias de suas personalidades afloram em sequência. Porém, as vencedoras desta categoria tem se revezado nos últimos anos, e não sei se Toni tem fôlego para quebrar esta barreira e levar dois prêmios consecutivos (até porque Edie Falco, julgada pelo Piloto de “Nurse Jackie”, é uma concorrente forte, ainda mais com a série indicada na categoria principal).

O elenco de US of Tara: "Torando"

Vou elaborar uma lista caprichada e bem pensada com meus palpites finais, mas, por enquanto, é assim que o cenário tem me parecido nesta corrida pelo Emmy. Alguma observação adicional?

Categorias:Premiações, TV
  1. Lucy
    9 agosto 2010 às 2:59 am

    Por vários motivos, sempre que eu penso em Emmy eu fico com uma esperança que não se cala nunca pela Connie e pelo Kyle… Eu sempre prometo pra mim mesma não me torturar assim, mas até parece que eu consigo, né?

  2. 10 agosto 2010 às 12:05 am

    Para mim, a única favorita inconteste deste Emmy, infelizmente, é a Jane Lynch. No resto, das categorias que vi, todas estão bem equilibradas, com várias alternativas para vitória.

    Beijo!

    • 10 agosto 2010 às 4:32 pm

      Lucy, acho que uma vitória de Connie e Kyle é meio inconcebível, mas nem fique triste: certamente a indicação foi celebrada como um prêmio, tanto por eles quanto pela equipe da série!🙂

      Ka, não entendo suas ressalvas à Jane Lynch! A mulher é hilária!!! Beijo.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: