Início > TV > O final de temporada de Glee

O final de temporada de Glee

Ficou faltando comentar sobre o mais recente final de temporada – não por acaso, de uma das melhores séries no ar, “Glee”. Nesta Terça-feira, a série atingiu a marca dos 22 episódios nos Estados Unidos, e o fez no mesmo clima contagiante com que teve início. Note que nos últimos meses, “Glee” extrapolou o alcance de um programa de TV para se tornar um verdadeiro evento. Já é uma marca cara, capaz de emplacar as músicas apresentadas no topo das listas do iTunes e de esgotar ingressos para a turnê nacional (e quem sabe mundial?) que está agendada.

Como série de TV, “Glee” tem suas irregularidades. Para começar, o ritmo dos episódios, que mais parecem pequenos filmes com começo, meio e fim, pode gerar estranheza em quem se acostumou com os seriados de plots contínuos. Nesse esquema, muitas das tramas apresentadas não são desenvolvidas em seu total potencial, já que acabam interrompidas abruptamente ou esquecidas por completo no episódio seguinte. Também é perigoso quando os roteiristas dão muito espaço para o que os fãs tem a dizer. Cobraram em fóruns da internet, por exemplo, pelas participações de Idina Menzel e de Neil Patrick Harris, e por um episódio com canções da Lady Gaga. Mas às vezes o que os espectadores querem não corresponde ao que o programa precisa. Por mais que as participações e as músicas em questão tenham rendido coisa boa, o rumo inicial da série ficou comprometido por esses percalços. Esperemos que a temporada seguinte seja um pouco mais focada no que realmente importa.

Dito isso, acho que “Glee” atestou com brilhantismo a sua ideia inicial. Através de arquétipos, que vão sendo aprofundados quando for conveniente ao roteiro, conhecemos os membros de um coral que não tem exatamente muito em comum. Mas todos vão superar as diferenças e os preconceitos ao se unirem por um mesmo sonho. A música é o que faz cada um deles se sentir vivo. Por meio das apresentações (sempre profissionais demais para o nível precário da escola, diga-se), os personagens vão expressar seus sentimentos mais íntimos (e por vezes, as sequências acontecem apenas no imaginário). Em resumo, “Glee” tem caráter inspirador, é feita com visível desvelo, ajuda a projetar talentos, dá bom exemplo, reforça a importância de uma educação artística nas escolas e incentiva não só o reconhecimento das diferenças, mas também sua celebração. Sem esquecer o tom de sátira e de zoação à infame competitividade dos americanos. No elenco, jovens talentos (alguns descobertos na Broadway, como a mocinha Lea Michele e o professor Matthew Morrison) se unem a veteranos da comédia (Jane Lynch, cuja personagem, a implacável treinadora Sue Sylvester, tem dado o que falar).

O season finale de “Glee” teve aquela previsibilidade que acompanha todos os capítulos da série. Mas por mais que adivinhemos para onde o roteiro estava indo, era impossível não vibrar junto dos personagens. Quem viu o episódio, testemunhou a vitória do Vocal Adrenaline, o coral rival, na competição regional. Até aí tudo bem – a apresentação dos vencedores foi realmente incrível, e seria muito similar ao fall finale (episódio em que os protagonistas venceram a primeira fase da disputa) se este aqui também se encerrasse com os heróis comemorando e levantando um troféu imenso. Só me preocupo com o que virá na temporada seguinte. Eles não tem muita escapatória além de seguir o mesmo caminho – o glee club passando por todas as etapas da competição na esperança de chegar ao Nacional. Espero que consigam manter a série fresca e edificante apesar dessa armadilha narrativa. Apenas confirmo que o desfecho soube colocar um ponto final perfeito em tudo. Bem no clima da série, poderão começar a próxima temporada com a ficha limpa!

P.S.: Será que já dá pra encomendar no site da Amazon a autobiografia de Sue Sylvester, “I’m a winner and you’re fat”? Eu quero!

Categorias:TV
  1. 9 junho 2010 às 12:59 pm

    Eu amo Glee e assim como você torço para que a próxima temporada mude algumas coisas pra não cair na mesmice e deixar de ser tão empolgante como foi essa temporada. Eu acho que a próxima devia focar mais nos personagens, já que esse ano eles ganharam a simpátia do público com muita música.

    • 9 junho 2010 às 1:49 pm

      Mark, concordo, mas já estão saindo notícias com os nomes dos próximos guest stars – John Stamos, por exemplo – que me fazem temer que eles caiam nos mesmos erros. Mas desde que continuem irresistíveis, nem ligo🙂

  2. Caroline®
    9 junho 2010 às 4:19 pm

    Ainda não vi, mas já imaginava que o New Directions iria perder. Ia ser muito óbvio e inverossímil se eles, novatos e losers, ganhassem do Vocal Adrenaline. Vai criar um conflito interessante pra próxima temporada…

    PS: Estou ouvindo “Poker face”, na voz de Lea e Idina neste exato momento!

  3. Taiguara
    9 junho 2010 às 4:29 pm

    Spoilers são chatos mesmo pra um seriado previsível como Glee, cara. Ou talvez sejam ainda piores por Glee já não ser lá mt criativo e cheio de surpresas.

    • 9 junho 2010 às 6:42 pm

      Caroline, foi mesmo previsível, mas tb acho que foi a melhor decisão para os rumos da série. PS: Essa versão é MARAVILHOSA!!!🙂

      Taiguara, sorte a sua que este post não tem spoilers. Afinal, foi noticiado no título que era sobre o final de temporada de Glee, e logo discutiria os acontecimentos do mesmo.😉

  4. Tiago
    9 junho 2010 às 10:29 pm

    Se me perguntam sobre Glee eu só tenho elogios, mas tenho que reconhecer que nessa segunda temporada eles tem que inovar para não ficar na mesma, e concordo com você acho que os eps de Glee sao pequenos filmes com começo, meio e fim ahaha😉

    De qualquer forma essa season finale foi incrivel, vibrei junto com os personagens que continuam mesmo irresistiveis e quem diria que Any Way you Want It ficasse tão boa? ahaha xD

    • 10 junho 2010 às 11:34 am

      Tiago, espero que Glee não decepcione ao seguir a mesma estrutura narrativa. E o finale foi mesmo demais. Vibrei com a apresentação do New Directions, mas devo reconhecer tb a excelente apresentação do Vocal Adrenaline! Acho que o pessoal do VA estava melhor ensaiado, mas que o ND tinha mais alma e mais talentos brutos no grupo!

  5. Caroline®
    13 junho 2010 às 2:09 am

    Acabei de ver a SF. Que lindo! O que foi a alfinetada em Sandra Bullock (“seu pai estava tendo um caso com uma maluca tatuada…”)? Confesso que chorei em To Sir, with love… E a Sue, tem como não amar aquela FDP toda fofa, se sentindo loser no meio das celebridades? Depois de um retorno bem acidentado, o final foi bem lindinho, com todo mundo feliz. E ter perdido pro Vocal Adrenaline nem fez tanta diferença assim…

  6. Lucy
    14 junho 2010 às 3:39 am

    Descobri seu blog na época do “hype” por Despertar da Primavera. Gostei dos seus textos e favoritei vc aqui, para poder ler mais coisas que você dissesse. Depois, com o tempo, fui descobrindo outros interesses que temos em comum – entre séries e filmes de TV, acho que gostamos mais ou menos das mesmas coisas, o que é muito bom! Nunca comentei pq, bem, eu nunca sei exatamente oq falar, mas achei que a hora era agora!

    Então me espere por aqui mais vezes – pelo menos sempre que vc tiver falando de algo que eu gosto e/ou tenha opinião sobre!

    Quanto a Glee, terminou a temporada definitivamente no topo das minhas séries preferidas. Apesar de algumas imperfeições esperadas, não tenho quase nada a reclamar e chorei tanto nesse episódio que mais parecia um series finale pra mim… =-)

    • 14 junho 2010 às 5:15 pm

      Lucy, fico muito feliz que vc tenha decidido comentar agora! Adoro trocar ideias com os meus leitores e descobrir de pessoas que compartilham os mesmos interesses que eu!🙂 E eu entendo muito bem o quanto vc está apegada com Glee. Mesmo reconhecendo que a série tem defeitos, sinto-me exatamente da mesma forma em relação a ela!

  7. Bianka
    10 março 2011 às 7:17 pm

    Sério eu amo muito Glee….
    Eu acho que Glee reflete em algumas situações da vida real
    Quinn você é demais
    Amo muito Glee
    Bianka

  8. 16 março 2011 às 8:13 pm

    adorei a serie vibrei muinto com o finas adoreei o post e nao vejo0 a hora d2 temporada de glee parabnes🙂

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: