Início > TV > I’ll Be There For You

I’ll Be There For You

Essa informação me passou despercebida até que os Trending Topics do Twitter me chamaram a atenção para o fato. Ontem, dia 22 de Setembro, foi o aniversário de quinze anos de estreia de “Friends”, a sitcom que apresentou este blogueiro que vos fala ao maravilhoso mundo dos seriados. No ar de 94 a 2004, a série sobre um grupo de amigos de vinte e poucos anos que dividia experiências sobre a vida em Nova York foi um dos últimos grandes sucessos do gênero sitcom tradicional – aquelas com cenários fixos, câmera estática e plateia rindo das piadas. Também transformou o elenco desconhecido em astros de primeira grandeza, status que estão penando para manter depois do término do programa (embora continuem podres de ricos, graças aos cachês milionários que receberam pelas últimas temporadas, além de reprises e vendas de DVD).

friends

Ninguém imaginava que “Friends” teria tanta repercussão quando o primeiro episódio foi exibido pela NBC. O show criado por David Crane e Martha Kaufman se assemelhava a muitas outras variações do tema, mas acabou indo tão bem na audiência que a equipe se esforçou, caprichou nos textos, e acabou cativando de vez com os personagens bem delineados e o entrosamento genuíno entre os atores. Jennifer Aniston, Courtney Cox, Lisa Kudrow, Matt LeBlanc, Matthew Perry e David Schwimmer realmente pareciam se importar uns com os outros – e isso fez toda a diferença (sempre rolava alguma fofoca, mas parece que o relacionamento do sexteto por trás das câmeras também era sincero). Na trama, a mimada Rachel (Aniston pré-Brad Pitt) se muda para a cidade grande depois de abandonar o noivo no altar. É acolhida por uma antiga colega de escola, Monica (Cox), e apresentada ao grupo de amigos que costuma se reunir numa cafeteria ao lado do Central Park. São eles: Ross (Schwimmer), irmão recém-divorciado de Monica que tem uma queda por Rachel desde os tempos da escola; Joey (LeBlanc), um ator sem talento lutando para fazer carreira; Chandler (Perry), o colega de quarto mais bem sucedido de Joey e amigo de Ross da época da faculdade; e Phoebe (Kudrow), uma hippie amalucada que costumava ser sem-teto até arrumar emprego como massagista (e que também é cantora amadora nas horas vagas). Os assuntos frequentemente se voltavam para problemas no trabalho e para relacionamentos amorosos, muitas vezes envolvendo os protagonistas (Ross e Rachel tinham idas e vindas como casal, e a partir da quinta temporada, Monica e Chandler também ficaram juntos).

Cada qual possuía suas próprias características marcantes, que se tornaram alvo recorrente das piadas (Rachel era filhinha de papai, Monica era maníaca por limpeza e competitiva, Phoebe era a tola com crenças excêntricas, Ross era um paleontólogo que entediava o pessoal com seus papos acadêmicos, Chandler era o engraçadinho que disfarçava a timidez com tiradas sarcásticas, e Joey era mulherengo e burrinho). Como todo fenômeno televisivo, a série gerou bordões (“How YOU doing?”, a cantada do Joey, é o mais famoso), singles (“Smelly Cat”, uma das músicas de autoria da Phoebe) e imitações (a melhor foi a inglesa “Coupling”, também sobre um grupo de seis amigos, embora mais puxada para o sexo). Também teve que contornar os problemas dos atores, já que todos apareceram, sem exceção, em todos os 236 episódios. Dessa forma, quando Lisa Kudrow ficou grávida Phoebe também engravidou, e Matthew Perry, que lutava contra o vício em comprimidos, foi várias vezes para a reabilitação sem que isso afetasse seu desempenho ou o plot (como ele também brigava com a balança, os fãs se acostumaram com seu efeito sanfona, e a ver Chandler engordando e emagrecendo ao longo dos anos). E quando Courtney Cox teve dificuldades em engravidar do marido da vida real David Arquette, fizeram algo inédito: incorporaram este porvir à série, com Monica e Chandler passando pela mesma situação quando decidiram ter um filho. Com exceção de Courtney, todos os atores foram indicados ao Emmy (Lisa e Jennifer foram premiadas), e a oitava temporada saiu vitoriosa na categoria máxima, Melhor Série de Comédia. “Friends” gerou ainda um spin-off, “Joey”, com Matt LeBlanc assumindo o centro da ação sozinho (era um sexto do que “Friends” foi e ainda assim bacana, mas não empolgou e foi cancelada depois de duas temporadas). Rumores sobre uma reunião do elenco, num filme ou mesmo num especial para a TV, volta e meia surgem para tornar o dia dos fãs mais emocionante.

Anúncios
Categorias:TV
  1. 23 setembro 2009 às 3:27 pm

    FRIENDS sempre vai ser o supra-sumo pra mim… junto de “Six feet under” é minha série favorita, empatadas em 1° lugar… foi a série responsável por criar minha paixão incondicional pelos seriados americanos, e responsável por inúmeras alegrias ao longo de vários anos da minha vida…

    Apesar dos 4 ou 5 primeiros episódios serem beeem fraquinhos, depois que a primeira temporada engata, nunca mais perde a forma… 10 temporadas absolutamente perfeitas… não tenho a menor queixa de FRIENDS…

    • 23 setembro 2009 às 5:59 pm

      Régis, Friends é minha sitcom favorita, em parte por valores sentimentais. O bom é que já revi cada episódio pelo menos três vezes e eles ainda não perderam a graça! Gosto de tudo, apesar da primeira temporada ter custado um pouquinho a provar a que veio e da décima temporada também ter suas irregularidades. Amo mesmo assim!

  2. 23 setembro 2009 às 8:14 pm

    Pois é, pra mim também conta muito o valor sentimental… e realmente, o bom de Friends é que mesmo já tendo visto e revisto, eu sempre me divirto horrores, vendo denovo…

    • 23 setembro 2009 às 10:54 pm

      Além de Friends a única série que surte esse efeito em mim é The Golden Girls (Supergatas)! 😉

  3. 24 setembro 2009 às 5:36 am

    ontem fiz uma menção aos 36 anos de estreia do clááááássico “O Exorcista” (The Exorcist, 1973). grande filme. “Friends” não acompanhei, mas era uma série joinha.
    🙂

    • 24 setembro 2009 às 9:40 am

      Dessa eu não sabia, Jeniss! 🙂 E o bom de não ter acompanhado Friends é que nunca é tarde pra começar: tem centenas de episódios inéditos esperando por você! o/

  4. 27 setembro 2009 às 6:46 am

    AMOOOOO Friends. Melhor seriado cômico EVER. Sou apaixonado pelos personagens. Meu sonho de consumo é o box com as 10 temporadas.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: